segunda-feira, 30 de abril de 2012

Macacos também caem de amores por bichanos

Reprodução/Site Environmental Graffitti/Erika Tanith
Gatos são realmente criaturas especiais. Tanto que, além dos humanos, macacos, chimpanzés, gorilas e orangotangos adoram a companhia dos bichanos e, não raro, transformam os felinos em mascotes. O site gringo Environmental Graffitti acabou descobrindo essa relação especial entre a macacada e os dengosos bichanos. Basta olhar nesta e nas próximas fotos para ver que, realmente, eles combinam muito

Reprodução/Environmental Graffitti

Em algumas fotos, como esta aí em cima, o gatinho é tratado como filhote ou como boneca por seu "dono" peludo

Reprodução/Environmental Graffitti
Os encontros entre gatos e macacos, ou outros primatas e felinos, podem acontecer tanto na selva quanto nas ruas ou em zoológicos. Na área urbana, é comum em países asiáticos, como Tailândia, Índia e Indonésia

Reprodução/Site Environmental Graffitti
Este grupo de macacos-de-rabo-longo de Bali se reuniu para procurar pulgas no gatinho, que, pelo visto, gostou da atenção. O fotógrafo Jack Cranley, que clicou a cena, contou ter tido a impressão de que, para os primatas, o bichano era um deles

Reprodução/Site Environmental Graffitti
Mais um macaco resolve procurar pulgas em seu "bicho de estimação". Segundo o site Environmental Graffitti, casos em que animais adotam outros como pets são mais comuns no cativeiro, no entanto, primatas que vivem soltos na natureza parecem ser a exceção. Talvez porque o fato de possuir outro eleve o status do bicho em seu grupo

Reprodução/Site Environmental Graffitti
Aqui a prova de que não apenas macacos adoram ter a companhia de um gatinho. Repare na intimidade do orangotango com o bichano!

Montagem/Reprodução/Site Environmental Graffitti

Para completar, mais diversidade. Filhotes de outros felinos, como tigre e até leão, também são feitos mascotes por primatas, como o chimpanzé à direita, que ganhou até beijinho. Para completar, à esquerda, mais uma cena de intimidade. Uma graça, não?

Fonte: R7

E esses você reconhece?

Arquivo Pessoal/Divulgação
Falando em gordinhas antes da fama, olha outra aí. Hoje modelo e apresentadora de muito sucesso, Ana Hickmann era chamada de 'patinho feio' na juventude. Em várias entrevistas, a loira já garantiu que se sentia feia quando mais nova e que só na adolescência conseguiu perder os quilinhos e emplacar uma carreira como modelo internacional

Arquivo Pessoal/Divulgação
Outro pagodeiro era bem diferente de como está atualmente. Alexandre Pires ostentava um ralo bigodinho e uma franja ondulada perto dos olhos. O pagodeiro investia e gostava de usar muito xadrez em suas roupas

Arquivo Pessoal/Divulgação
Carla Perez foi uma das que mais mudou. A ex-dançarina do É o Tchan não tinha, nem de perto, as formas que tem hoje. Carlinha fez diversas plásticas durante a carreia. Entre as conhecidas estão aumento de seios e uma levantadinha no nariz

Arquivo Pessoal/Divulgação
Com permanente nos cabelos, Fátima Bernardes usava e abusava dos grandes cachos, quando ainda não trabalhava na Globo. Ex-apresentadora do Jornal Nacional , Fátima teve diversos cabelos e looks antes de se transformar na personalidade que é hoje

Reprodução/AgNews
Há sete anos, Sabrina Sato estava longe do glamour que a cerca atualmente. Na foto do meio, a humorista abusava dos acessórios coloridos em seu visual. 

Reprodução/AgNews
Viviane Araújo antes abusava dos fios loiros, lisos e seu corpo não tinha músculos. Atualmente, a bela está sarada, com cabelos longos, ondulados e castanhos.

Fonte: R7

Reconhece? Veja como os famosos eram antes da fama

Arquivo Pessoal/Divulgação

Acredite se quiser, mas antes da fama, as celebridades não andavam tão produzidas como hoje em dia e podiam facilmente ficar perdidas no meio da multidão sem serem reconhecidasÉ o caso do casal Zezé e Zilú Di Camargo, que aparece bem diferente em suas fotos de casamento, quando comparados com hoje em dia. Mais cheinha que hoje em dia, Zilú exibia grandes cabelos crespos e Zezé, cabelo preto liso com sobrancelhas grossas.


Arquivo Pessoal/Divulgação
Kelly Key? Descoberta pelo cantor Latino na década de 1990, a beldade que hoje em dia ostenta lindos fios loiros, era morena e tinha as sobrancelhas arredondadas

Arquivo Pessoal/Divulgação

Ivete Sangalo tinha cara de nerd antes de ficar famosa.A bela morena, que começou a carreira cantando na Banda Eva, usava óculos e camisões na década de 1990

Arquivo Pessoal/Divulgação
Quem vê Carolina Ferraz pagando de rica e poderosa nas novelas hoje em dia, não sabe que a atriz global era gordinha, e carregava no batom antes da fama

Arquivo Pessoal/Divulgação
A cantora colombiana Shakira, musa pop latina, aparecia bem diferente da cantora loira de hoje em dia. Nada radical, né?

Arquivo Pessoal/Divulgação

O galã do filme High School Musical nem parece o homem lindo de hoje que deixa as meninas loucas. Zac Efron tinha os dentinhos tortos, olhinhos pequenos e cabelo castanho. Foi um dos que mais mudaram. Concorda?

Arquivo Pessoal/Divulgação

Prestes a se casar com Gracyanne Barbosa, o pagodeiro Belo também era bem diferente. Antes de exibir as madeixas loiras, Belo era moreno, ostentava cabelos encaracolados e tinha os dentes tortos

Arquivo Pessoal/Divulgação

Quem vê Juliana Paes antes da fama, não falaria que ela se tornaria a nova GabrielaCom os cabelos grandes, encaracolados e armados, a beldade ostentava ainda uma sobrancelha arredondada pouco cuidada.

Arquivo Pessoal/Divulgação

A cantora Eliana, famosa pela música Dedinhos, usava farta cabeleira na década de 1990. O rosto era mais arredondado e ela apostava em brincos pequenos. Diferente, não?

Arquivo Pessoal/Divulgação

Quem vê Cláudia Raia hoje não fala que a moça de vermelho na foto é mesmo ela. Com brincos brancos grandes, uma blusa bem decotada mostrando os peitos e cabelos queimados do sol, a atriz desfilava com esse visual na década de 1980

Arquivo Pessoal/Divulgação
Não, isso não é uma miragem. É mesmo a cantora Claudia Leitte antes da fama, quando ainda era...gordinha! Isso mesmo! Claudia vivia acima do peso quando mais nova

Arquivo Pessoal/Divulgação
Ao começar como repórter na Globo, Glória Maria tinha os cabelos bem curtos, no estilo Joãozinho

Fonte: R7

sábado, 28 de abril de 2012

Designer 'enxuga' 24 kg após não entrar em uma calça tamanho 48


Uma calça jeans foi a gota d’água que faltava para a designer paulistana Camilla Pires, de 22 anos, eliminar 24 kg e mudar radicalmente de vida. Em 2010, após muito tempo usando apenas leggings e blusas soltas, ela entrou em uma loja de roupas para comprar uma jeans e se assustou quando nem o tamanho 48 serviu.
“Experimentei vários modelos e nada entrou. Foi aí que a ficha caiu. Resolvi então que era hora de acabar com tantas dietas malucas e de me sentir mal com o próprio corpo”, diz a jovem, que na época pesava 85 kg, em 1,68 m de altura.
Camilla (Foto: Arquivo pessoal)Em um ano, paulistana perdeu 24 kg com mudança de hábitoe agora mantém peso (Foto: Arquivo pessoal)
Camilla sempre foi gordinha e passou anos lutando contra a balança, mas entre 2009 e 2010 pulou da faixa de sobrepeso para a de obesidade, pois a rotina sem horários de faculdade e trabalho a levaram a comer muitas “porcarias”, como ela define.
“Ficava quase o dia todo sentada e só me mexia do escritório para casa. Também não comia saladas nem frutas, adorava salgadinhos e jantava muito tarde. Minha preocupação com a alimentação era zero”, conta.
Alimentação e exercícios
Para emagrecer, a designer incluiu na dieta produtos integrais, frutas, verduras e legumes, peito de peru e queijos magros. Também foi cortando refrigerante, doces e frituras – o trio básico para quem quer perder peso, segundo ela.

Além disso, a paulistana começou a montar pratos mais coloridos, comer de 3h em 3h e ir mudando os hábitos aos poucos, sem neuroses. Ela também procurou um endocrinologista, que lhe receitou remédio para emagrecer – algo que a paciente se recusou a tomar.
“Decidi não me medicar nem seguir mais as dietas de revistas, mas fazer algo a longo prazo. Mudei minha cabeça e quis conquistar algo para a vida, para não voltar a ser como eu era”, afirma.
Dois meses depois do início do processo de reeducação alimentar, o pai de Camilla, que era hipertenso, morreu vítima de infarto. E a tragédia familiar não a fez desistir da meta, pelo contrário. “Tive mais forças para continuar, pois quis honrá-lo”, destaca a jovem, que em casa também tem a mãe acima do peso.
Ainda em 2010, a designer se matriculou na academia, aonde ia no começo só para nadar duas vezes por semana e hoje, além das braçadas, faz musculação e corrida na esteira pelo menos quatro vezes por semana, durante 1h30. Com o tempo, Camilla tomou gosto pela corrida e já participou de dois percursos de 10 km no ano passado.
Agora que ela chegou aos 61 kg – o objetivo final é atingir os 58 kg –, o corpo já ganha músculos e perde cada vez mais medidas na cintura, nos seios e nos braços. As primeiras regiões a afinar foram a barriga e os “dois queixos”, segundo ela. A parte mais difícil, porém, tem sido resolver a flacidez na área interna da coxa.


quinta-feira, 26 de abril de 2012

Obras da Biblioteca Sesi chega a fase de finalização em Jardim do Seridó



As obras da Biblioteca Sesi chega a fase final em Jardim do Seridó. Após os trabalhos de construção e colocação da cobertura, agora, o novo espaço educacional de Jardim do Seridó chega a fase de pintura e últimos acabamentos.

Moderno e confortável a Biblioteca Sesi foi orçada em R$ 260.000,00 (Duzentos e sessenta mil reais) e a construção é de responsabilidade da Empresa Medeiros e Cavalcanti. A nova biblioteca é um investimento intermediado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte, através do Projeto Indústria do Conhecimento, numa parceria com a Prefeitura Municipal. A obra está localizada nas proximidades do canal, em frente a casa do médico Dr. Anchieta.

O projeto da Biblioteca Sesi foi encaminhado pelo vice presidente da Confederação Nacional das Indústrias Flávio Azevedo, através do Projeto Indústria do Conhecimento até nossa cidade. “Mais uma obra que o povo Jardinense ganha, fruto da Administração de Mãos Dadas com o povo em Jardim do Seridó. Estou satisfeito e vamos fazer a inauguração da obra da Biblioteca Sesi. É um sonho que já é realidade”, disse Pe. Jocimar Dantas.




Fonte: Blog do Naquib via Blog Ambiental no Seridó

terça-feira, 24 de abril de 2012

domingo, 22 de abril de 2012

O DIA DA TERRA VISTO PELOS CHARGISTAS






Dia da Terra




O Dia da Terra foi criado em 1970, pelo Senador norte-americano Gaylord Nelson, como um protesto nacional contra a poluição.

Esse dia conduziu à criação da Agência de Protecção Ambiental dos Estados Unidos (EPA).

A partir de 1990, o dia 22 de Abril foi adotado mundialmente como o Dia da Terra.

Cantor Leonardo pede aos fãs corrente para recuperação do filho

Cantor se emocionou durante o show ao lembrar do filho Pedro (Foto: Alexandre Durão/ G1)
Cantor se emocionou durante o show ao lembrar do filho Pedro (Foto: Alexandre Durão/ G1)
Marcelo AhmedDo G1 RJ
Durante show na noite deste sábado (21), no Rio de Janeiro, o cantor Leonardo se emocionou e pediu aos fãs que fizessem uma corrente para o filho Pedro, internado em coma e em estado grave, após sofrer um acidente de carro, em Minas Gerais.

"Eu gostaria que a gente unisse hoje o show, a festa, a lembrança do Leandro e Leonardo, e fizesse uma corrente religiosa para que meu filho permaneça aqui com a gente", disse o cantor, enxugando os olhos.
Leonardo lembrou que, há 14 anos, o irmão e parceiro Leandro sentiu dores em um show e algum tempo depois morreu. Ele agradeceu a presença e o carinho de todos e as mensagens de apoio que vem recebendo.
O músico pisou no palco do Citibank Hall, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, às 22h40 da noite. Segundo assessores, foi o único compromisso que não cancelou até o fim de semana.Depois de quatro músicas executadas, falou aos fãs, contou que o estado de saúde do filho é grave e mais uma vez recorreu ao irmão falecido: “Pelas fotos do carro que eu vi, pelo jeito que ele está no hospital antes de eu vir pra cá, eu vi que realmente tem um talismã na nossa vida chamado Leandro, que salvou esse moleque. Porque não foi bonito não”.
 (Assista ao lado o momento do show em que o cantor Leonardo relembra do irmão Leandro, morto em 1998.)
Leonardo também deixou transparecer seu orgulho paterno. “Eu sabia que o Pedro era um moleque muito querido. O Brasil todo fala. Mas agora estou vendo que ele é muito mais querido do que eu imaginava”, afirmou. E mais uma vez pediu orações para a recuperação do filho: “Na hora de botar a cabeça no travesseiro e vir orações ao nosso querido Pedrão. Volte pra nós aí. Vai melhorar, vamos lá, meu filho”.
Acidente após show
O filho de Leonardo, o também cantor Pedro Dantas, sofreu o acidente quando voltava de carro de Uberlândia (MG), após se apresentar em um show, na última quinta-feira (19). Os médicos do Instituto Ortopédico de Goiânia, onde ele está internado, diagnosticaram o cantor com um quadro "extremamente grave".
Segundo o diretor da UTI do hospital, Wandervan Antônio Azevedo, em uma tomografia realizada na noite deste sábado (21), não foi constatada alteração no edema cerebral apresentado por Pedro. O médico informou que, apesar da pneumonia, o que mais preocupa a equipe médica é a questão neurológica.
"Não teve nenhuma alteração, o que é bom. Não esperávamos que o edema fosse melhorar agora. Mas não aumentou, o que é muito importante", disse Azevedo.